10 fevereiro 2016

Eu assisti: A Garota Dinamarquesa


Postado por Priscila Carvalho


Ah gente, eu queria muito ter gravado um vídeo falando sobre esse filme (talvez ainda grave), mas como o calor aqui tá deixando as coisas complicadas, vai ser post mesmo. Então, não dava pra deixar passar em branco um dos filmes mais maravilhosos que eu já assisti nesses últimos tempos: A Garota Dinamarquesa


O filme é baseado na história real de Lili Elbe, que foi possivelmente a primeira mulher trans a realizar uma cirurgia de redesignação sexual. Lili nasceu e viveu boa parte da vida como Einar Wegener, um pintor dinamarquês, casado com Gerda e bem sucedido. A história se passa na década de 1920 e já começa mostrando como o relacionamento de Gerda e Einar sempre foi feliz e como os dois são unidos e se amam.

Não demora muito pras coisas acontecerem, o que é ótimo. Um belo dia, Gerda, que também é pintora pede pro marido ajudá-la a terminar uma pintura já que a mulher que estava posando pra ela havia se atrasado, e pra isso ele precisaria calçar os sapatos e "vestir" o vestido da moça. E é nessa hora que a gente começa a perceber a auto-descoberta de Einar, que na verdade, sempre foi Lili. O filme mostra toda essa transformação com muita delicadeza e sensibilidade. Eu consegui enxergar cada dificuldade, e ver o sofrimento que era pra Lili se ver todos os dias em um corpo errado, e a necessidade dela de corrigir isso.



A atuação do Eddie Redmayne é sensacional, e eu sinceramente não esperava menos. Não consigo imaginar mais ninguém no papel de Lili. Mas pra mim quem roubou a cena mesmo com certeza foi a Alicia Vikander como Gerda. Durante todo o drama ela se manteve do lado da Lili e por mais difícil que fosse (e dava pra sentir o quanto estava sendo difícil pra ela), ela sabia que tinha que deixar o marido ir embora. O filme apesar de não focar muito nos problemas sociais, no preconceito e na ignorância das pessoas naquela época, mostra como era difícil procurar ajuda profissional. Todos os médicos consideravam a condição de Lili como uma doença mental e ela chegou a ser submetida a tratamentos com radiação e tortura psicológica para "resolver o problema". Mas o foco do filme mesmo acabou sendo a relação entre Gerda e Lili, o amor e a força da Gerda ao lidar com uma situação que eu não consigo nem imaginar como foi difícil.

O que eu achei: A Garota Dinamarquesa não é só um filme lindo e emocionante, é um filme necessário. Mesmo pra mim, que sempre tive a mente muito aberta e muita empatia quando o assunto é transexualidade, homossexualidade e etc. A gente sempre vai ter muito a aprender, muito a se corrigir. Ser uma mulher trans não é uma questão de escolha e o filme deixa isso muito claro, as dificuldades e tudo que a Lili passou pra ser vista, aceita e conseguir adequar o corpo a sua mente, que sempre foi de mulher, não foi nada fácil. E no final das contas quando eu já estava em prantos no final do filme, fiquei triste de perceber que os mesmos problemas que ela enfrentou na década de 20, milhares de homens e mulheres trans precisam enfrentar até hoje, tantos anos depois. A ignorância de muita gente sobreviveu ao tempo e eu só posso torcer pra que isso tudo um dia mude.

O filme estréia amanhã, dia 11 de fevereiro e eu espero que vocês assistam. Amei e super recomendo.

09 fevereiro 2016

Review: Base MAC - Studio Fix Fluid


Postado por Priscila Carvalho


Mais uma terça-feira, mais uma resenha! Dessa vez na verdade, eu vim trazer em post uma resenha que eu já fiz pra vocês em vídeo, então quem me acompanha no canal já está por dentro da minha opinião sobre o produto que eu vou falar hoje e tudo mais. Mas acho que vale super a pena reforçar algumas informações por aqui. Pra quem ainda não viu o vídeo, confere aí:


O que a marca diz: Uma base que alia acabamento mate natural e cobertura média a FPS 15 de amplo espectro contra raios UVA/UVB. Confortável e de longa duração. Válvula de dosagem vendida separadamente. // Preço: 121,00 // Onde comprar: Sephora, MAC, etc.


O que eu achei: Bom, a minha opinião já está toda no vídeo, então reforçando os pontos mais importantes vale citar que essa base tem uma cobertura excelente que se for usada de maneira errada, pode até ficar pesada demais, então é bom pegar leve na hora de aplicar. Eu tenho a pele muito oleosa, e de todas as bases que eu já experimentei essa é a única que eu consigo usar sem precisar de um acabamento com pó (exceto nos dias muito quentes, mas muito quentes mesmo!).

Ela rende bastante, sempre que vou usar eu dou uma balançadinha no vidro e com um pincel eu pego somente o produto que fica acumulado na tampa, e é suficiente pra cobrir meu rosto inteiro. Inclusive essa é uma dica pra quem quiser economizar, já que o único ponto negativo na minha opinião é a embalagem.. senti muita falta de um pump e vou acabar tendo que comprar um separadamente. Apesar de ser uma base cara, valeu cada centavo e com certeza quando acabar, vou comprar de novo.


Espero que vocês tenham gostado do post e fica essa foto vergonhosa pra vocês verem direitinho o antes e o depois hahaha Usei somente uma camada da base e mais nada de maquiagem. Dá pra ter uma boa ideia do resultado né? Principalmente ali nas manchinhas do queixo, que a base cobriu perfeitamente.

08 fevereiro 2016

Se Arrume Comigo: Volta às Aulas (Make, Cabelo e Look)


Postado por Priscila Carvalho

maquiagem, makeup, make, simples, fácil, rápida, volta as aulas, back to school, inspiração, fotos, cabelo, penteados, penteado, passo a passo, look, ideia, ideias, ideas, linda, arrasar, meninas malvadas, popular, como ser popular na escola

Antes que me perguntem.. não! Eu não estudo mais hahaha Graças a Deus já terminei o ensino médio há um bom tempo e também não faço faculdade, mas não queria deixar passar a oportunidade de gravar um vídeo com ideias de maquiagem e cabelo e look bem fáceis pra vocês poderem se inspirar na volta-às-aulas! 



Gostaram? Eu escolhi fazer uma maquiagem bem levinha, com poucos produtos até porque muitas escolas nem permitem maquiagem demais né? E com certeza se eu estudasse hoje em dia, é o máximo que eu usaria. A lista com os produtos que eu usei está lá na descrição do vídeo, pra ver é só clicar aqui! E aproveita pra clicar no gostei e se inscrever no canal pra continuar me acompanhando!

05 fevereiro 2016

Sobre o fim do By Garotas e um novo começo


Postado por Priscila Carvalho


Ah, esses posts/vídeos emotivos um dia vão me desidratar. Quem me acompanha aqui no blog com certeza já percebeu a mudança do nome, né? Quem tentou entrar pelo endereço antigo foi misteriosamente direcionado pro novo. E é isso: o nome do blog mudou! Finalmente, diga-se de passagem. Antes de começar o meu textão (brincadeira haha), assistam o vídeo pra entender direitinho a mudança:



Então, eu disse praticamente tudo que eu queria dizer no vídeo, mas como sempre, o post serve pra reforçar alguns pontos importantes. A mudança no nome do blog é uma coisa que eu tenho planejado já faz mais de dois anos, mas fiquei enrolando e nunca tive coragem de realmente mudar, afinal de contas.. não é fácil, envolve muitas coisas, e hoje eu sinto que é como se eu tivesse acabado de criar o blog de novo, e finalmente com o nome que eu escolhi e que me representa (claro né Priscila, é seu nome, dã). 

Eu confesso que muitas vezes eu já torci o nariz pra blogs que levam o nome dos próprios autores, achava isso uma falta de criatividade imensa e hoje eu vejo que não deveria ter julgado tanto os outros! haha Não é fácil criar um nome diferente pra um blog, e apesar de ter alguns em mente, muitos que eu queria ter colocado a anos atrás, acho que nessa altura do campeonato, a mudança seria ainda mais brusca se eu resolvesse trocar By Garotas por "Morangos Cor de Rosa" por exemplo. Então eu vi que Priscila Carvalho seria a melhor opção, não por falta de criatividade, mas porque escolher o nome pra um blog é uma coisa séria, difícil e quase irreversível. Os nossos momentos mudam, nossa idade passa, o que me inspira hoje pode não me inspirar mais amanhã, nossas ideias mudam. Mas o nosso nome, geralmente não muda, né? 

Eu estou muito feliz de ter tomado coragem pra finalmente começar essa nova fase e apesar de fazer isso tudo parecer um pouco dramático, eu precisava fazer esse post e como eu sou uma pessoa muito intensa, até mudar o user no Instagram talvez me renderia um desabafo (brincadeira, aí não haha). Eu espero que vocês continuem gostando do conteúdo aqui do blog, que comentem bastante (sinto muita falta dos comentários de vocês) e que estejam comigo em todas as novas fases e mudanças que estão por vir. E olha, esse ano muita coisa diferente vai acontecer na minha vida, se eu fosse vocês ficaria de olho por aqui! Obrigada por tudo, não deixem de curtir a minha nova página no facebook que por enquanto ainda está super parada mas espero que daqui a pouco vocês comecem a interagir bastante e é isso aí. Que o 2016 de vocês seja maravilhoso e que toda mudança que vier seja pra trazer as melhores coisas possíveis!